PUBLICIDADE
Monte Ray
Galpão dos Galetos

Aulas são retomadas após fuga de mais de 80 detentos de presídio em Esperantina

Até agora 41 presos foram recapturados após a rebelião e fuga





TER, 10 DE OUTUBRO DE 2017 18:34:08

As aulas da rede estadual e municipal de ensino na cidade de Esperantina, retornaram nesta terça-feira (10). As aulas tinham sido suspensas depois que depois que mais de 80 presos fugiram da penitenciária Luiz Gonzaga Rebelo na sexta-feira (6) e no domingo (8). Segundo a Secretaria de Justiça, dos 85 que fugiram, 41 já foram recapturados.

Na rede municipal a suspensão prejudicou mais de nove mil alunos. Na rede estadual de ensino 2486 alunos ficaram sem aulas em seis escolas e um anexo, segundo a Secretaria Estadual de Educação (Seduc). As Secretarias dizem ainda que as aulas serão repostas para que os estudantes não tenham nenhum tipo de prejuízo.

Aos poucos da cidade de Esperantina volta à sua rotina, os serviços da Secretaria municipal de Saúde também foram normalizados. Os moradores ficaram amedrontados com a fuga em massa de detentos. No entanto, a Secretaria de Justiça tenta tranquilizar a população e reforçou a segurança nas ruas da cidades.

Em nota, a Sejus diz que destinou um aparato de mais de 70 homens das forças de segurança, para garantir o bem-estar da população.

“São 22 homens do Comando de Policiamento Especializado; 10 homens da Tropa de Choque de Teresina; 10 da Força Tática de Esperantina; 6 do Batalhão Tático Aéreo de Polícia Militar; 6 do Comando de Policiamento do Litoral Meio Norte; e cerca de 20 guarnecendo o presídio do município. Para fazer a patrulha na cidade e região, também foram destinadas 4 viaturas do Comando de Policiamento Especializado; 2 do Batalhão Tático Aéreo de Polícia Militar; 2 da Força Tática de Piripiri; 1 da Força Tática de Esperantina; e 1 do Comando de Policiamento do Litoral Meio Norte”, diz o comunicado.

Além disso, o governo Federal autorizou que um contingente da Força Nacional de Intervenção Penitenciária (FTIP) atue nas unidades prisionais do Piauí, segundo a Secretaria de Justiça (Sejus). A decisão foi anunciada após reunião do presidente como o Secretário de Justiça, Daniel Oliveira, e o Governador do Estado, Wellington Dias (PT), nesta segunda-feira (9), em Brasília.



1 2 3 4 5 6 7 8 9 10